Página Inicial > geral, Groovy, Spring Boot > Spring Boot com Gradle

Spring Boot com Gradle

Semelhante ao Maven, instale o Gradle seguindo essas instruções, opcionalmente utilize a mesma pasta do exemplo anterior e crie o arquivo para o build do gradle: build.gradle :


buildscript {
    repositories {
        mavenCentral()
    }
    dependencies {
        classpath("org.springframework.boot:spring-boot-gradle-plugin:1.1.9.RELEASE")
    }
}

apply plugin: 'java'
apply plugin: 'spring-boot'
apply plugin: 'eclipse'
apply plugin: 'idea'

jar {
    baseName = 'gs-spring-boot'
    version =  '0.1.0'
}

repositories {
    mavenCentral()
}

dependencies {
    compile("org.springframework.boot:spring-boot-starter-web")
    testCompile("junit:junit")
}

task wrapper(type: Wrapper) {
    gradleVersion = '1.11'
}

O Gradle é mais flexível e mais simples, além de usar justamente o grande acervo de bibliotecas disponibilizadas nos repositórios Maven.

O techo


buildscript {
    repositories {
        mavenCentral()
    }
    dependencies {
        classpath("org.springframework.boot:spring-boot-gradle-plugin:1.1.9.RELEASE")
    }
}

orienta o Gradle a encontrar e disponibilizar o plugin spring-boot-gradle-plugin

As linhas:


apply plugin: 'java'
apply plugin: 'spring-boot'
apply plugin: 'eclipse'
apply plugin: 'idea'

disponibilizam tasks especializadas para projetos java, artefatos spring-boot e integração com a IDE Eclipse e Idea, respectivamente.

No terminal digite:


gradle bootRun

e mais uma vez e resultado será idêntico ao mostrado no post anterior.

No próximo post veremos a utilização de mais uma opção: o Spring Boot CLI, uma ferramenta em linha de comando que permite gerar aplicações Spring Boot ainda mais rápido.

Categories: geral, Groovy, Spring Boot Tags:
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. Nenhum trackback ainda.